Sobe para 13 número de pacientes com Covid-19 transferidos por falta de leitos em Passos, MG

Subiu para 13 o número de pacientes transferidos de Passos (MG) para outras cidades devido à falta de leitos de enfermaria e UTI para o tratamento da Covid-19. Dois deles, que tinham sido levados para São Sebastião do Paraíso e Juiz de Fora, não resistiram.

Dos 13 pacientes que precisaram ser transferidos, seis foram para Caratinga, quatro para Itajubá, dois para Juiz de Fora e um para São Sebastião do Paraíso.

A Santa Casa de Passos, hospital referência da cidade e da microrregião, segue com 100% de lotação em leitos de UTI e 90% de lotação em leitos de enfermaria, com apenas quatro deles disponíveis.

Por causa da falta de leitos, cidades da microrregião de Passos editaram novos decretos com medidas restritivas de circulação. Segundo o diretor da Santa Casa, a expectativa é que esses medidas possam dar resultado dentro de duas semanas.

“A gente não espera um efeito extremamente rápido. Com as medidas restritivas, nós temos que conclamar a população para que continue não se aglomerando. Nós sabemos que cada cidade tem seu entendimento, aqui em Passos a brigada tem trabalhado com a polícia, mas nós já sabemos que em alguns ambientes domésticos, ranchos à beira da cidade, as aglomerações continuam acontecendo, então nós temos que dar aí umas duas semanas para ver qual será o resultado efetivo dessas restrições”, disse o diretor-técnico da UPA de Passos, Flávio Ferreira.

O diretor falou ainda sobre o volume de trabalho que tem sobrecarregado médicos e profissionais de saúde da região.

“Como todas as regiões, tem médicos trabalhando em diversas cidades, acaba que o volume para Passos aumentou demais o atendimento e os médicos não estão sendo capazes de absorver toda essa demanda. Ontem mesmo nós tínhamos 35 fichas de pacientes para serem atendidos na UPA, no horário a partir das 19h, lotado. Muita procura e poucos profissionais de saúde para estar atuando nesse momento de pandemia”, disse o diretor.

A boa notícia é que pela primeira vez em quase três semanas, a UPA está hoje sem nenhum paciente intubado, já que os três que estavam nessa situação no local foram levados para a Santa Casa de Passos.

“Hoje nós temos 18 pacientes internados na UPA, ontem nós conseguimos através da Santa Casa de Passos que três pacientes intubados fossem encaminhados para lá. Então foi a primeira noite nesta cidade nos últimos 15, 20 dias, que nós permanecemos sem nenhum paciente intubado na UPA. Isso traz para nós um alívio, mas ao mesmo tempo não podemos deixar correr solto a aglomeração, não podemos nos valer dessa informação para acreditar que as coisas estão se normalizando, acalmando, porque a gente sabe que a qualquer momento isso pode ser revertido e os picos recomeçarem e os pacientes graves começarem a procurar a unidade de atendimento”, completou o diretor.

Via G1 Sul de Minas

Comentários: